terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Atividade Extra Terceiros anos Integrados e regulares. Análise Crítica.

Caros alunos a atividade consiste em fazer um comentário a respeito do artigo escrito pela repórter Rachel Sheherazade. E também a respeito do vídeo de opinião onde ela fala a respeito do jovem que é espancado e preso a poste.

Vocês deverão ler o artigo e fazer um comentário a respeito do mesmo. Posteriormente vocês deverão responder o comentário de um colega efetuando uma análise crítica do mesmo (comentário). 

Obs: Atividade individual devendo conter nome completo do aluno e turma. Os comentários serão aceitos até 15/03/2014 às 20:00 Hs. 




Bom trabalho a todos. 

71 comentários:

  1. Penso que essa atitude é desumana, todos os dias vimos assaltos e violencia de todas as formas mas dessa vez foi escandalosa, pelomenos ele já preso agilizou o trabalho ineficaz dos policiais mas, acorrentar uma pessoa no poste e ainda nu, além de praticar a violencia com facadas expõe a pessoa de maneira involuntária. Esta cena é uma das cenas fortes que rondam nos últimos dias pois podemos ver onibus pegando fogo direto nas principais capitais do brasil, os marginais estão cada vez mais abusados de suas atividades. Podemos notar a cor como destaque, as novelas mostram os bandidos brancos no brasil, mais vimos que a realidade é outra, o negro também sofre preconceito, todos os dias vimos bandidos negros e colocamos em nossas mentes que todas as pessoas negras agem de forma diferente. O vídeo demonstra claramente em que a jornalista critica a violencia do brasil e chama atenção para " adote um bandido". O sistema de segurança no Brasil é precário e se continuar como está, a cada dia vamos está acostumados ver essas noticias no dia a dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou de acordo com o que você escreveu. Está ficando cada vez mais comum a criminalidade no Brasil e a lei está ficando "escondida" e desvalorizada, no meu ponto de vista. Com relação ao preconceito contra negros, ainda percebemos fatos muito absurdos em um problema que teve suas origens no passado, desde a época da escravidão. Entretanto, a violência contra jovens é um fato que vem chamando a atenção e que na minha concepção é uma dos problemas mais difíceis de ser resolvido pela sua tamanha proporção. Mesmo que um jovem cometa crimes, castigá-lo até chegar a um ponto de "barbárie" é injustiça dessas pessoas ditas justiceiras. Como você citou, as novelas mostram bandidos de etnia branca como uma forma de minimizar as consequências que o negro sofreu no passado (isso no meu jeito de pensar). A violência não leva a lugar algum nem é o melhor caminho a seguir. Enquanto isso, nosso país vai continuando nesse clima de guerra e de revolta onde a criminalidade, a violência e a injustiça vão se aparecendo em meio a lei e a constituição.

      Caio Henrique Ungarato Fiorese 3°M01

      Excluir
    2. Lucas Cevolane 3º info

      Entendo perfeitamente seu ponto de vista com as agressoes aos direitos humanos, entretando não devemos esquecer que o pricípio disso tudo é a revolta (neste caso com esse individuo) contra bandidos que roubam, roubam, roubam e roubam mas e a justiça solta, solta, solta e solta denovo... Os justiceiros estão é cansados de suar e trabalhar para vagabundos roubarem os frutos de seus esforços... Se vessemos alguem roubando em nossa casa ( desarmado) nossa primeira reação seria partir para cima, para poder defender o que é noss, isso é fato, mas o medo nao deixa e continuamos neste ciclo enterno de injustiça

      Excluir
    3. “Fico a favor dos 'justiceiros', pois se a policia não faz nada alguém tem que fazer.” Se tudo se resolvesse na “porrada” nosso mundo seria um Éden.
      De fato o Brasil poderia e pode investir em educação em vez de investir cerca de 30 bilhões na Copa do Mundo, porem nem tudo é como queremos e como já sabemos o Brasil é um país corrupto e infame. Do mesmo modo creio que fazer “justiças” com as próprias mãos não é o melhor a ser fazer, pois se em vingança existe justiça, então a justiça apenas semeará mais vingança, assim fazendo um ciclo de ódio.

      Gilcinei Coleta da Silva 3º01

      Excluir
    4. Giordano, eu concordo com tudo que você escreveu. Afinal que país é esse onde ninguém respeita ninguém? Os negros são muito excluídos e julgados por todos. O povo trabalha trabalha trabalha, e vem alguém e lhe tira tudo que com tanto esforço conseguiu. Sem a ajuda de nossos policiais , nada vai mudar tão cedo. Esses marginais estão cada vez mais sem vergonha de fazer as coisas erradas. A nossa segurança é "suja" e enquanto continuar assim, as violencias se tornaram ainda mais cumuns.

      Karolyne Piovezan 3°01

      Excluir
  2. O texto de Rachel Sheherazade é um resumo de como está a situação do Brasil. A cada dia que passa é sempre a mesma situação e nada melhora, é quase comum ouvirmos notícias de criminalidade, roubo, etc. Um jovem ser espancado e acorrentado num poste é uma coisa extremamente absurda. Mesmo que ele tenha cometido crimes e roubos, esse não é o melhor caminho a fazer. Entretanto, fazer justiça com as próprias mãos está sendo um ato mais comum devido a precariedade da segurança. Nosso país ainda vive com altos índices de violência contra jovens, principalmente negros. Afinal, o que os jovens vão aprender com isso? O que os pais dos jovens que praticam coisas erradas estão fazendo para educar seus filhos de forma correta? Estamos num país onde rico é soberano e o pobre é o criminoso, onde falta educação de qualidade e em que a violência e a criminalidade vão ganhando espaço em meio ao respeito, a lei e a devida justiça. Não precisamos de estádio novos ou somente de mais médicos. Precisamos de qualidade em setores como a educação, saúde, transporte público e segurança pública e também de uma reforma política geral, inclusive na prática de leis. Enquanto os governantes, que se dizem "representantes do povo", não mudarem de postura e agirem com a devida seriedade e transparência, o Brasil continuará nesse clima de guerra e quem pagará o preço disso tudo somos nós brasileiros.

    Caio Henrique Ungarato Fiorese 3°M01

    ResponderExcluir
  3. Nome: Lucas Cevolane

    Turma:3º info


    A repeito do Vídeo: Sou totalmente contra a justiça contra as prórpias mãos, ENTRETANTO, fortemente a favor da autodefesa preventiva, o Brasil está cansado de ser humilhado por bandidos hipócritas que usufluem da impunidade e da amputabilidade penal, o nome correto não seria justiceiros e sim precavidos, pessoas que enxergam que algo deve ser feito por alguém já que os três poderes não são aplicados... Infelizmente nossa querida jornalista realista está sendo alvo por conta de seus cometários realistas e nescessários.

    Artigo

    Toda sitação da jornalista é verídica, ser pobre não é desculpa para ser vagabundo, ser negro não é ser diferente, ser um marginal ou bandido ou o que seja é opcional, pelo menos hoje é sim, veja programas que nosso governo "figuradamente" compriensível já lançou... Roubo, assassinato, estupro, pedofilia e outras crueldades não têm desculpas, têm penalidades ( ou deveriam ter ). Infelzmente nossas leis respeitam mais as ongs externas do que as nescessidades internas, esse sistema do ECA banalizou a lei nacional, tornado um bandido em um anjinho que não sabe o que faz... SOU TOTALMENTE CONTRA AGRESSÕES OU QUALQUER FORMA DE VIOLÊNCIA OU JUSTIÇA PARTICULAR, MAS SOU A FAVOR DE UM PAÍS MELHOR, DE UMA CONSTITUIÇÃO QUE DEVERIA ABRIR OS OLHOS E TENTAR NOS EMERGIR DESSA FOSSA CHAMADA BRASIL.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo.Pois se todo mundo que é roubado resolve fazer justiça com as próprias mãos o mundo já esta ruim vai só piora. As pessoas não tem direito algum sobre a vida das outras ,se existe policia é para resolver esses casos mas infelizmente nem sempre ele resolvem, e por isso acontece essas coisas.

      Igor B Ferreira
      3 02

      Excluir
    2. eu nao concordo muito.porque hoje em dia os bandidos rouba,geralmente matam,e nada é feito ,eu sei que violencia gera violencia ,mais se voce nao fazer nada quem vai fazer para voce? logico que geralmente os bandidos vai presos mais daqui uns meses ele é solto dinovo e faz coisa piores que antes,,entao adianta ele ser preso e depois ser libertado sabendo que ele fez coisas horiveis? porque ele pode te roubar ,geralmente né eles te batam e voce nao pode fazer isso com eles?se as policias nao faz nada e isso é o dever deles né,se eles nao fazem nada quem vai fazer ? logico que vc pode ser roubado.ele pode levar todas as suas coisas que voce trabalhou muito pra ter e vem um bandido e te rouba em segundose e voce nao pode fazer nada,cara na hora da raiva ninguem pensa em antes de fazer nao,,entao tem que fazer justiça com as proprias mãos sim aqui si faz aqui se paga,bom infelizmente nosso país é assim, logico que todo mundo quer um país melhor mais se a policia nao fazer nada quem vai fazer?

      BRUNA VETTORAZZI RIGONE
      3º EM 01

      Excluir
    3. Também concordo com o fato de que os dias estão passando e nada melhorando. A população está ficando cada vez mais decisiva, querendo fazer a justiça com as próprias mãos deixando de lado os policiais que estão em situação precária. Também posso acrescentar de que em favelas, muitas vezes os adolescentes crescem numa sociedade fajuta que desde jovem ja aprende tomar certos atos como o da violência. O governo claro, precisa melhorar! mas observe as atitudes do povo brasileiro como por exemplo nas manifestações? grupos de vândalos simplesmente destruindo casas, sedes, lojas comerciais. É claro que devemos valorizar a maioria dos brasileiros que foram as ruas protestarem por melhorias e direitos. Não existe lugar seguro! a cada dia estamos ficando acostumados com essas barbaridades no decorrer do dia-a-dia e se continuar assim... vamos ser vitimas de roubos, assaltos.

      Giordano V. Andrião 3M01

      Excluir
  4. A Rachel Sheherazade fala a pura realidade de como está nosso pais, hoje isso para nos brasileiros é um avergonha um pais que investe tanto na copa do mundo era para as pessoas terem pelome nos um pouco de consciência dos seus atos, em eves de gatar milhões em estadios era para criar um setor que investisse em educação pois é isso que falta em umas pessoas que resolvem fazer justiça com as propias mãos. Quase matar um menino pelos seus atos infracionais isso é muito grave ,mas como estamos no Brasil o maximo que vai acontecer é os ''monstros '' pagarem uma fiança.Agora o menino está machucado e muito constrangido fazer isso não ajudou em nada ao contrario só piorou, ele agora quando melhorar vai ficar pior do que estava pois ele está com raiva, e para gastar essa raiva ele vai continuar roubando as pessoas. Agora é só pensar um pouco o que adiantou fazer isso com o menino ele só vai piora e a sociedade não busca uma solução para isso pois os homens não tem direito de tirar a vida de seus semelhantes.

    Igor B. Ferreira
    3 02

    ResponderExcluir
  5. Bom eu concordo com o seu comentário, pois isso é a pura realidade do Brasil, cada dia que passa, o Brasil vai ficando pior, não só na criminalidade, mas na saúde, na educação, na segurança, , só que as “autoridades” não deve esta vendo que isso é uma VERGONHA para o Brasil , mas para um país que vai sediar uma copa (não sei como mas vai ),eu penso que se cada um fazer justiça com a própria mão não vai resolver muitos , pois só vai amentar a violência e piorar e o que ta ruim , sei também que esperar justiça brasileira fazer alguma coisa vai demorar , por que tudo que faz tem o “bendita” fiança ,se for preso vai lá paga fiança e sai , cadê a justiça no Brasil ??? , dinheiro pra investir nessa copa eles tem, mas dinheiro pra saúde, educação, e a segurança eles não tem não, enquanto eles ganham dinheiro nessa copa, nós brasileiro cada dia mais vamos presenciamos cenas como essa , desse menino preso no poste, e ai cadê a justiça ? Cadê a lei? Cadê? , É Brasil assim você vai “longe” !
    Luana Biló Brunelli 3ºM01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente Luana cade a lei?
      cade a justiça?
      cade a legislação?
      realmente a educação nao é priorizasa e nao temos segurança mais vale lembrar que justiça nao se faz a estilo "olho por olho dente por dente"
      Kátia Úrsula Davel Camporez 3 mo2

      Excluir
  6. Acho mais que certo o que os ''bandidos'' fizeram, pois não foi tomada nenhuma atitude das autoridades para ''impedir'' o menino dos furtos e dos roubos, coce trabalha o dia todo, 6 vezes por semana em sua loja, da um duro danado pra chegar um ladrão e roubar o fruto do seu trabalho toda semana, varias vezes no mês, e vc só tomando prejuízo quanto a isso, e ninguém faz nada. Agora provavelmente o menino será ''liberado'' e voltara as ruas, podendo ate se vingar de quem o violentou...

    Renzo Rodrigues 3°M02

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você Renzo, pois deveriam ter tomado alguma atitude a respeito dos furtos do garoto, ele era tão enrolado com a policia que nem foi dar queixa, pois ficou com medo de sofre alguma punição. Se você trabalha, no final do mês você vai querer ver o resultado, mas se um assaltante chegar e levar tudo, simplesmente o tempo que você gastou ali e o dinheiro investido foi tudo para o "ralo"

      Lucas Barbosa de Oliveira - 3º M01.

      Excluir
    2. De certo modo, o que o Renzo disse está correto sim, pois se autoridades responsáveis não tomam as atitudes necessárias, alguém fará esse trabalho por eles. E é muito provável que se o garoto foi preso, logo estará solto novamente, e poderemos ter certeza que ele voltará a cometer ações impróprias, ou até mesmo, como destacado pelo Renzo, se vingar de quem o violentou.
      Mas o que e a sociedade deve entender, é que não cabe a nós o direito de julgar ou mesmo punir um ser humano, por mais que suas atitudes sejam de alta gravidade. O único direito cabível a nós é exigirmos melhorias para nossa melhor segurança.
      Elielton Pagio Desteffani 3ºM02

      Excluir
  7. Fico a favor dos 'justiceiros', pois se a policia não faz nada alguém tem que fazer. Pois o Brasil esta uma vergonha, gastando horrores na copa, mas esquecendo da saúde, educação e a segurança.
    Tem muitas “criança e jovens” virando bandidos, pois não pode ser presos, penso que isso não deveria ocorre, pois se eles são “homens” para roubar e matar deveriam ser “homens” para assumir o que fez, não os pais, mas bem que se os filhos estão assim, um pouco e culpa dos pais, pois deveriam estar mostrando o que é certo e o que e errado, mas isso não ocorre na maioria das vezes.

    Lucas Barbosa de Oliveira 3º M01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo Lucas, se servem para matar e roubar tem que serem presos e punidos por isso, mas infelizmente Brasil é feito de desigualdades e sem leis eficientes. Descordo totalmente com a atitude desses "justiceiros", se fizessem realmente a justiça, teriam que ir fazer justiças contras esse políticos corruptos que roubam muito mais que esse menino e pior descaradamente. Quem agride um pessoa também é criminoso. Bandido batendo em bandido não traz efeito algum, só maiores questionamentos sobre a situação em que o país passa. Esse menino teria que ficar preso e ser julgado pelo crime que cometeu, mas não existe leis e muito menos segurança.
      Leticia Garcia D'Agostim- 3ºInformática

      Excluir
    2. sim, isso deveria ser feito, mas ninguém pode chegar e ir matando ou espancando qualquer um, mesmo que a justiça não faça nada ninguém tem o direito de fazer! Dalva Souza 3M01

      Excluir
    3. Por mais que o motivo deles terem feito essa barbaridade esteja correto, agiram de forma muito errada. Imagina se cada pessoa que fosse assaltada agisse da mesma forma, em vez de aumentar a segurança pioraria ainda mais. Por mais que o jovem tenha agido de forma ilegal e muito errada isso não altera o fato dele ser uma pessoa e ainda assim digna de respeito. Não estou defendendo nem acusando nenhum dos dois, só acho que poderiam ter agido com maturidade e respeito, não como marginais.
      Gabriela Vinco- 3ºM01

      Excluir
  8. Aluna: Maiara Silva Souza 3° M01
    Bom Concordo que o Brasil esta cada vez mais precário quando falamos no termo de Segurança, e a criminalidade crescendo cada vez mais . Nível cada vez mais decadente como educação, saúde, segurança , vimos nossos governo fazer ações de caridade para países vizinhos sendo desviados milhões e nada de ser investidos e aplicados com coisas Necessárias. O fato ocorrido com o adolescente eu descordo plenamente pois ninguém tem direito de agir sobre a vida de ninguém, assim como ninguém tem direito de roubar para sobreviver , cada um responde por seus atos, mais da maneira certa e de forma correta , não se estabiliza violência com outra violência . Só acho que devemos ter consciência e começar a enxergar as coisas agora antes que piorem . Preconceito só cresce por que se fosse um branco rico ninguém tinha espancado , tirado a roupa do cidadão e o amarrado se for para fazerem justiça começa a agir certo .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com a Maiara, se fosse um rico, bem vestido, não seria maltratado, apenas ficariam de braços cruzados enquanto ele cometia seus crimes, assim como ficamos vendo nossos governadores, presidentes, senadores, prefeitos, roubando e não fazemos nada para mudar, vendemos nossos votos, votamos sem conhecer. corrupção também é crime, mas isso ninguém enxerga.
      Não tem que tratar com violência, mas sim com justiça, a lei deve ser igual para todos, e dinheiro nenhum deve suborna-las, como vemos em nosso país que basta ter dinheiro que sai rapidinho da cadeia, mas se for um pobre talvez inocente, fica preso muitos anos por não ter dinheiro para um bom advogado ou pra pagar fiança. É a injustiça cada vez mais visível em nossa sociedade.
      vamos acabar com a violência, vamos lutar por um país justo!

      Cintia M. Langa

      Excluir
    2. Interessante essa comparação com louro que não foi abordada nem pela repórter e nem em nossas aulas.

      Essa situação em Santa Catarina também é racismo?

      http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2014/02/jovem-e-amarrado-poste-e-agredido-apos-assaltar-lanchonete-em-itajai.html

      Excluir
    3. Bárbara Robertti Abreu
      concordo plenamente com a maiara o Brasil só esta do jeito que ta por que nós brasileiros permitimos, temos que começar enxergar as coisas agora antes que piorem, temos que mudar o nosso ver ao governo para termos um Brasil melhor.

      Excluir
  9. Que absurdo o que fizeram com o garoto, cadê a justiça desse país, cadê o Governo, cadê os policiais?! As pessoas têm que acordar pra vida, pois se falta educação de verdade é por causa delas mesmas que na hora da eleição votam em qualquer um, pensando que vai melhorar alguma coisa. Que na verdade piora cada vez mais. Eu achei uma injustiça o que fizeram com o garoto negro, não que ele esteja certo, mas quem o agrediu estava mais errado ainda, quem tem que resolver casos como esse é a Justiça, porém ela está muito ocupada resolvendo os problemas da Copa. Por ser negro e pobre o garoto tem menos direito que o branco rico?! E outra coisa, se o garoto roubou essas pessoas, é sinal de que não estão cuidando de suas casas, e também porque falta educação e justiça. Se fosse um garoto branco e rico não teria acontecido nada com ele, iriam dizer que é o dinheiro que está subindo a cabeça, mas como é um garoto pobre e ainda por cima negro ele tem que ser espancado, ah pelo amor de Deus, será que ainda cabe mais alguma injustiça nesse país? Eu acho que não. Segundo a lei, os direitos são de igual para igual, mas não é bem assim que acontece. Queria ver se fosse um filho da Rachel o que ela estaria dizendo.
    Gizelle Nogarol 3ºm01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gizelle gostaria que me apontasse onde a repórter fala sobre racismo. Em Santa Catarina em rapaz louro foi preso a um poste e espancado, ai ninguém comenta né? Muito estranho esse apontamento para racismo que no vídeo ela não fala a respeito disso.

      Excluir
    2. Eu vi o vídeo que ela fala sobre o garoto que roubou e sobre os atos do cantor Justin Bieber. E lá ela trata o garoto como o "marginalzinho" e o Justin como o menino da "síndrome da adolescência", por isso comentei sobre o racismo, pois eu ja tinha visto no vídeo a respeito da matéria de sociologia.

      Excluir
    3. O vídeo que você que viu na outra matéria é uma montagem tendenciosa que trata de dois assuntos distintos e é preciso saber separar ironia da realidade.

      Excluir
  10. A repórter foi um pouco dura com as palavras, mas muitas pessoas pensam como ela, e se pararmos para pensar não estão totalmente errados, quem mata, rouba, pratica violência deve ser punido, não com violência como fizeram com o adolescente que ficou nu e foi amarrado ao poste, mas sim com justiça. A sociedade esta cada vez mais revoltada com a injustiça de nosso país, um bandido mata e logo é solto, responde em liberdade, um policial não pode se quer imobilizar um bandido em uma fuga, por exemplo, pois assim esta usando violência e responderá um processo por tentar manter preso um criminoso. Os bandidos não tem medo dos policiais, sabem que não vão mata-los nem machuca-los, então continuam cometendo os mesmos crimes enquanto as leis só melhoram a favor dos bandidos, a repórter ao falar mostrou o lado da sociedade que é vitima de assaltos, violência, morte de parentes e o medo de sair nas ruas, estão revoltados com a falta de justiça e resolveram eles mesmos acabar como problema, de maneira errada, claro, mas que outra maneira eles podem encontrar? Não possuem segurança nenhuma e não podem ficar de "braços cruzados" esperando a sua vez de morrer nas mãos de um desses marginais. Sou totalmente contra a violência, acho que isso não resolve nada, mas também precisamos de mais justiça e punição para quem comete um crime. Violência não leva a lugar nenhum, mas os policiais deveriam voltar a impor medo na sociedade, as leis deveriam mudar, só assim as pessoas pensariam duas vezes antes de cometer um crime.
    Não coloco minha mão no fogo, pois sei que vou queimar, assim como uma pessoa não mataria a outra se soubesse que receberia prisão perpetua, ou um longo tempo por trás das grades!

    Cíntia M. Langa 3ºM01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com Cíntia, pois a justiça não pode ser praticada pelas próprias mãos, como ocorreu com o jovem, e sim com a justiça correta. Realmente os bandidos estão 'invadindo' a nossa sociedade e os policiais não estão fazendo nada para impedir isso, e é a partir disso que a violência cresce cada vez mais, e se cometeu algum crime tem que pagar por isso e sofrer a punição por seu ato.
      Raniele Fioresi 3º M01

      Excluir
  11. Eu nao concordo com as atitudes do povo brasileiro!! O que fizeram com o jovem foi um ato brutal pois afinal querendo ou nao ele é humano...e justiça com as proprias maos gera um outro crime...Nao que eu ache q ele nao devia ser punido! pois roubar é crime mais merece puniçao feita pela policia e nao pelas vitimas...

    Jaqueline Ragazzi͵ 3°M
    2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por um lado eu concordo mas por outro não. Porque as leis não são mesmo eficientes, mas fazer justiça com as próprias mãos não leva a nada e é errado, eu não concordo. Isso acontece porque somos nós brasileiros mesmos que colocamos esses políticos para governar, mas pensando por outro lado, são poucos os que não são corruptos. Eu penso que não deveria ter maioridade penal, porque a partir do momento que uma pessoa comete um crime ela já está ciente de seus atos, a não ser que ela tenha alguma deficiência comprovada que a impede de responder por seus atos.

      Excluir
  12. A réporter pegou pesado͵claro que quem pratica crime deve ser punido mais nao com as proprias maos nao é?? mais como ser punido num pais. onde a justiça é feita de modo errado??? pois veja pelo meu ponto de vista: o bandido mata...rouba...trafica ... aii ele é preso e daqui ums dias ele é souto e volta a fazer tudo denovo...aii eu te pergunto isso que er puniçao?? pois é͵essa é a verdadeira realidade do Brasil! Nosso pais devia ser mais rigoroso na questao de JUSTIÇA!!

    Jaqueline Ragazzi
    3°MO2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde a repórter pegou pesado? Em que e como? Seu texto ficou vago.

      Excluir
  13. Aluna: Leticia Garcia D'Agostim- 3ºInformática.
    Os políticos brasileiros, que possuem maior autoridade sobre os recursos financeiros do país, não são capazes de investir em educação, saúde, seguranças, etc. Afinal, o dinheiro que por direito é de todos é utilizado para o favorecimento de uma minoria rica e usado para que o Brasil se passe a vista do mundo por um país com alegria, festas, mulheres, que gasta milhões ou até bilhões para construir estádios pra Copa e um Brasil com crimes horrendos e crués, que passam impune, são criticados mas logo são esquecidos. Por culpa desses políticos corruptos não existe coisas essências como educação e segurança que evitaria esse grave acontecimento. Se esse adolescente tivesse maiores oportunidades será que ele estaria roubando? Será que se o Brasil ajudasse realmente que mais precisa ele estaria cometendo crimes? Se houvesse tudo isso e não adiantasse de nada,será que esse adolescente preso em um abrigo de menores sem tão terrível violência, voltaria a cometer crimes? Rachel Sheherazade é uma excelente jornalista! Concordo plenamente com ela quando fala da situação que o Brasil é critica e sofre com terríveis números que mostram a tamanha crueldade e impunidade.Mas o ato desses "justiceiros" é cruel, se todos os cidadãos que acharem que algo esta errado em seu ponto de vista ou até da justiça e forem direto a agressão, o Brasil será um país com Maiores guerras diárias. Todos são iguais perante a lei ( a não ser os políticos e ricos que roubam descaradamente muito dinheiro e não acontece absolutamente nada), devem ser punidos quando cometem crimes com a prisão, se essas pessoas fossem realmente “justiceiros ” elas teriam que fazer justiça com as próprias mãos também com quem causa tudo isso, os nossos governantes.Mas não, tem que fazer justiça com um adolescente ladrão, mas pobre. Os “justiceiros” estão tão errados quanto esse menino, já que agressão é um crime principalmente quando praticada em um adolescente.Para que existe Direitos humanos se eles não são seguidos??Pra que justiça se só ajuda uma minoria??
    Brasil cada vez mais injusto, ricos cada vez mais ricos e acobertados pela justiça, e pobre cada vez mais pobre tendo que passar por situações imperdoáveis contra todos os preceitos de justiça. Onde está a lógica Brasil? Sou a favor que a maioridade penal seja reduzida e contra toda forma de justiça com as próprias mão, mesmo que as pessoas de boa índole que sofrem com tudo isso.

    ResponderExcluir
  14. nós podemos ver que mesmo o Brasil tendo crescido, em diversas áreas como o poder de compra, e o desemprego “desaparecendo” , por que ainda vemos jovens caindo no mundo das drogas e traficando sendo que a pobresa diminuiu. A política desse pais permite que uma pessoa mate e roube sem ter muitas conseqüências ou seja você pode morre pela mãos de um jovem mais não pode se quer levanta o dedo para ele.yuri bento moreira e anderson rosa 1º m05

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse Exercício é do Terceiro ano e não do primeiro! Favor ler as orientações antes de realizar a atividade.

      Excluir
  15. Podemos perceber como a jornalista tem uma certa discriminação entre o pobre e o rico. Bandido bom não é bandido morto, todos que erram e comente algum crime devem ser presos e pagar pelos seus erros, sem ser julgado pela classe social ou pela cor. A jornalista pegou pesado em relação ao menino negro, ela deveria sim expor sua opinião, mas de um jeito mas leve. Dalva Souza, 3M01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostaria onde a Jornalista usou a frase: "Bandido bom é bandido morto", me mostre por favor.

      Excluir
    2. É porque eu vi mais reportagens a respeito e acabei confundindo um com o outro. Dalva Souza, 3M01

      Excluir
  16. O artigo e o vídeo de opinião feito pela repórter Rachel Sheherazade, mostra a situação atual do Brasil. A criminalidade, roubos, homicídios estão crescendo cada vez mais, e onde isso vai parar? Onde estão os policiais e as autoridades para fazer com que isso diminua? Infelizmente essa é a realidade no nosso país, um país onde a segurança, a saúde e a educação estão em segundos planos. A violência está tão frequente que pessoas formam grupos, para se vingarem, como os Justiceiros, que espancaram e amarraram o jovem nu ao poste. Acabam fazendo isso porque não há segurança nenhuma, acham que podem fazer o que quiserem com as pessoas que não vão sofrer punição, e na maioria das vezes aquele criminoso que é preso, paga uma fiança, é solto e responde em liberdade. Isso é uma coisa totalmente errada, porque se o bandido foi solto, com certeza ele irá cometer os crimes novamente e como os policiais não podem nem entrar em 'confronto' com os bandidos que eles estão estimulando qualquer reação ao crime, esses criminosos não terão mais medo de nada e aumentando cada vez mais a violência. Muitos acham que quem praticam a violência são pessoas pobres, que não possuem muitas oportunidades na vida, mas isso é errado, pois a "criminalidade e a pobreza não andam necessariamente de mãos dadas", isso parte do modo de vida de cada indivíduo. O Brasil é um país que se prepara para sediar a Copa do Mundo, e segundo a repórter, estamos entre os 20 países mais violentos do planeta e sendo assim, como será essa Copa com a segurança precária que está nosso país? É lamentável essa situação. Acho que a justiça tem ser feita corretamente, e não pelas próprias mãos igual está acontecendo. Mas cada um tem seu ponto de vista, porém se cometeu algum crime tem que pagar pelo seus atos.
    Raniele Fioresi 3º M01

    ResponderExcluir
  17. Bárbara Robertti Abreu 3ºm01
    Rachel Sheherazade retrata em seu artigo como esta a situação do Brasil, muita violência e muitos policiais não estão fazendo seu trabalho direito, cansamos de ver policiais corruptos não estão nem ai para a população só pensam no seu bolso, claro que há uma meia dúzia que fazem seu trabalho correto más não é o suficiente. E o governo não esta nem ai para os cidadãos, como diz o artigo de Rachel o governo brasileiro não tem dinheiro para saúde, educação e segurança mas para cuba e para a copa está sobrando. E quanto ao vídeo de opinião de Rachel, eu sou a favor e contra pois é revoltante a situação que se encontra o Brasil com a impunidade, mas nada que justifica tal violência, afinal eles estão agindo como os próprios bandidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom , eu concordo com a Bárbara , pois isso é a realidade do Brasil , e não tem como esconder , cada ano que passa a violência só aumenta , e os policias não tão nem ai , uns só querem saber do seu dinheiro e mais nada , mesma coisa com o governo , não “liga” par a população só querem , o dinheiro e mais nada , só corrupção !
      Luana Biló Brunelli - 3ªM01

      Excluir
    2. eu concordo com a luana pois nos dias de hoje o que só importa para os políticos, são o dinheiro.
      Elidiane Oliveira 3° M02

      Excluir
  18. O artigo nos demonstra a situação atual do Brasil, onde a violência, os delitos e as atrocidades procedem sem muitos obstáculos. Porem não podemos simplesmente nos nomear de justiceiros, e em seguida começarmos a caçar e matar bandidos, este é um trabalho que deve ser feito pela polícia, mas como podemos ter certeza de que tal corporação esta agindo igual sem discriminação independente de raça, cor, religião, posse, bens.
    De modo freqüente se assiste na TV, milionário atropela pedestre, e sai impune, porque pagou a fiança. Deste modo podemos dizer que não há igualdade, que as leis possuem falhas, e que privilegiam pessoas que possuem riqueza “capital” em abundância, e que por tamanha desigualdade social, um cidadão que não possui educação, viva em uma imensurável pobreza comece a cometer crimes e delitos por safadeza “desonestidade”, ou por ser mais uma vítima do sistema falho de nosso país.
    Gilcilei Coleta da Silva 3ºM01

    ResponderExcluir
  19. Nosso dia a dia é monótono e a violência já faz parte dela a um bom tempo, não é de hoje que a violência e a insegurança tomam a sociedade. Como a própria repórter Rachel Sheherazade diz: “O fenômeno violência é tão antigo quanto o ser humano.”
    De fato seu artigo é nítido e objetivo, e nos deduz a relembrar como a realidade é cruel e impune.
    Cansada de ser oprimida e desassistida pela suposta justiça proposta pelo nosso governo brasileiro, a população em si decide tomar providencias com suas próprias mãos, assim se alto denominando de justiceiros, mas será que tal justiça também seria aplicada a um homem branco, de olhos claros, família rica ou de status alto? Ou simplesmente o torturaram por ser negro, de origem pobre ou aparência suspeita? Pelo que parece a justiça não se aplica a todos e sim aqueles que tendem a viver pela opressão da sociedade.
    Esfaqueado, espancado, preso pelo pescoço em um poste por uma trava de bicicleta, despido e humilhado, está e a tal justiça proposta pelos justiceiros?
    Bom podemos simplesmente deduzir que o jovem é um criminoso, sim podemos deduzir que de fato este jovem é um criminoso, mas quais motivos levariam um jovem de aproximadamente 15 anos a fazer furtos? Por diversão ou por necessidade? Talvez ambos.
    Justiça é uma palavra extinta, nosso governo é ineficiente, nossas leis são avessas e nossa população preconceituosa, o Brasil é um país inerte e continuara sendo um caso não tome medidas extremas.
    “Os "justiceiros" têm uma longa ficha criminal, um deles inclusive responde por estupro, ameaças, furto em um condomínio e lesão corporal, já o outro responde por uso de drogas e por recusa ao serviço eleitoral.” Fonte desconhecida.

    Obs:
    Este vídeo não está mais disponível porque quem o enviou fechou a conta do YouTube.
    Como podem ver a conta foi fechada, caso queiram ver o vídeo para ajudá-los a fazer melhor seu comentário o nome do vídeo é: Rachel fala sobre o adolescente vítima de "justiceiros" no Rio.

    Gilcinei Coleta da Silva 3º01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, a chamada "justiça com as próprias mãos" não se aplicam a todos, além disso não podemos agredir uma pessoa simplesmente porque ela roubou, e se essa pessoa tivesse um elevado status social o mesmo iria se repetir?Acredito que não!.
      Gilcilei Coleta da Silva 3ºM01

      Excluir
  20. Aluna: Mariana Pelissari Braga
    Serie: 3 02
    Bom no meu ponto de vista, acho extremamente ridículo oque fizeram com o garoto, e errado oque ele fez é, mais nada justifica agirem com tamanha frieza. Sera se fosse um rico branco teria o mesmo tratamento.... Infelizmente hoje a nossa situação aqui no brasil e essa, "políticos" são aposentados ao invés de ser preso, "ricos famosos" ou 'astros" da televisão, comente algo errado e isto e coisa de adolescente rebelde, agora vai um pobre negro fazer o mesmo que logo e morto, espancado e outros. violência não se cobra com violência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plena mente com ela, pois violência só gera violência e também a outros modos de si lidar com esses casos, mais com o governo indo do jeito que está, o brasil só tende a piorar e estes atos de vandalismo e violência também.
      Luana Demartin Casagrande 3°M03

      Excluir
    2. Oque esta acontecendo a anos no nosso país é deplorável, cada ano piora , concordo com esse comentário, pelo fato de comparar os dois lados ( pobre e rico) gerando situações similares porem com outro destino justicialístico.

      Valéria Aparecida Raimundo 3º Logística

      Excluir
  21. Luana Demartin Casagrande
    3° M02

    Achei super errado o modo que a jornalista falou sobre o garoto, parecendo discrimina-lo por ele ser negro e pobre, aposto que se fosse um riquinho filhinho de papai ela não teria tratando-o assim.
    Mas logico que ser roubado várias vezes e ninguém fazer nada a respeito disso dá muita raiva, mas já que a tantos policias corruptos que não fazem seu trabalho sobrou para ele fazer justiça com as próprias mãos, mais este ato e errado e só ira tornar a situação mais complicada.

    ResponderExcluir
  22. Na minha opinião foi muito feio o que fizeram. Esse papel seria dos policiais e de fazer justiça da maneira correta. Acho que se o garoto fosse branco e fosse rico, talvez não seriam essa a reação. Hoje em dia é muito comum ver essas cenas com negros, eles são extremamente excluidos. Nosso sistema de segurança e muito precario, e ninguem se quer se preocupa com isso. Se fosse branco e rico nada disso teria acontecido.

    Karolyne Piovezan 3°01

    ResponderExcluir
  23. O artigo escrito pela repórter Rachel Sheherazade retrata a triste realidade que vivemos no Brasil. A violência estar cada dia mais intensa, e esse problema vem revoltando a papulação. Mas isso não justifica o fato de pessoas sem um minimo de autoridade pegar um menor ou qualquer que seja , prender a um poste e torturar. Sabemos que as autoridades falham quando se fala em segurança. A repórter tem razão quando diz que a segurança esta precária no Brasil pois se existe uma segurança de qualidade e educação para todos, esse menor estaria em uma escola estudando para ter um futuro e não roubando que infelizmente e a triste realidade. e os policiais qualificados deveriam cumprir sua principal função"proteger a população" e não aceitar propina de traficantes para não agir diante da impunidade. No Brasil infelizmente só os ricos tem direitos pois quando um rico atropela e mata, traficam; nada acontecem com eles apenas pagam uma fiança e dão mais dinheiro para o governo, e um pobre é condenado e ate mortos em cadeias. Nem parece que vivemos em um pais subdesenvolvido pois somos reféns da violência. Diante dos fatos, devemos saber que quando agredimos um bandido de qualquer forma, estamos nos tornando semelhante a ele. Procure ajuda e não faça justiça com as próprias mãos. Respeite ao próximo e não o discrime de forma alguma uma pessoa.
    NOME: Monique Aparecida Machado Stofeles
    TURMA: 3°M02

    ResponderExcluir
  24. O artigo escrito pela repórter Rachel Sheherazadeetrata a triste realidade a qual se encontra o Brasil. Vivemos reféns da violência , e esse fato vem intrigando a população. E leva pessoas a acharem que estão no direito de fazerem justiça com as próprias mãos . É para isso que existem as autoridades competentes, sabemos que as autoridades falham pois se existirem segurança e educação para todos, esse menor infrator estaria em uma escola estudo para ter um futuro promissor e levar esse pais que se diz subdesenvolvido a ser um pais desenvolvido ,que pelo visto isto estar longe de acontecer; com os ricos vivem na impunidade só pelo fato de terem dinheiro e os pobres são a parte esquecida da sociedade . “Igualdade” e uma palavra que não se encacha na sociedade brasileira. Diante dos fatos, devemos saber que quando agredimos um bandido de qualquer forma, estamos se tornando semelhante a ele. Procure ajuda e não faça justiça com as próprias. Lute pelos seus ideais de uma sociedade igualitária e sem preconceito.
    NOME: Monique Aparecida Machado Stofeles
    TURMA:3°M02

    ResponderExcluir
  25. É aceitável o fato dessas pessoas quererem cuidar da justiça com as próprias mãos, mas visivelmente passaram dos limites. Desde quando se pune um crime com outro? Num país carente de saúde, educação e segurança, é comum contratempos como o roubo desse garoto e ninguém se move para mudar. Mas isso não é desculpa para esse ato. Poderia ter sido um exemplo lindo se tivesse sido de uma forma humana sem ferir ninguém, mas não foi. De jeito nenhum se acaba com o mal usando-o como arma. Quanto à repórter, ela não deveria ter expressado sua opinião pessoal em rede nacional dessa forma, foi rude da parte dela, mas é sua forma de pensar e deve ser respeitada.

    Gabriela Vinco-3ºM01

    ResponderExcluir
  26. no meu ponto de vista eu concordo com as atitudes do povo,porque um bandido mata faz coisas horiveis vai preso e logo é solto,entao ele vai continuar fazendo as mesmo atos 'crimes'como era antes,entao adiantou ele ser preso? e isso so acaba deixando as pessoas mais infúrecidas 'com raiva' então se os policiais nao fazem nada para melhorar o país,alguem 'povo' vai ter que fazer alguma coisa pelo menos assim ele nao vai mais incomodar mais ninguem,nao mais matar ,roubar,etc sei que violencia gera violencia e isso nao leva a lugar nenhum,mais pelo menos o nosso país tinha que tomar providencias para que o povo nao fisesse mais isso,e ser resolvido de maneira certa
    aluna:bruna vettorazzi rigone
    série:3 EM 01

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No meu ponto de vista a parte de concordar com o povo acho eu MUITO errado pois eles estão sendo criminoso tanto quanto o bandido, Ninguém tem o direito de fazer justiça com as próprias mãos, para isso existe os policiais mesmo que eles falhem as vezes.e sim concordo na parte que fala que as forças competentes devem agir logo para a ver menas violência.
      JULIANA DE MELO PASSARELA
      3°M02

      Excluir
  27. Aluna: Karine Rigone Thezolin
    Série: 3° M01

    Esse foi com certeza um caso que dividiu opiniões. Algumas nas quais o bom senso acaba ficando de lado. Compreendo a revolta que levou os "justiceiros" a esse ato exagerado, porem, não concordo com a atitude tomada. Vivemos numa sociedade onde nos sentimos muitas vezes estar a mercê dos criminosos, todos os dias acontecem vários casos envolvendo roubos e homicídios, e os mesmo só vem aumentando com o descaso oferecido a segurança dos cidadãos. Como a jornalista Rachel S. disse:" Os justiceiros tomaram para si o papel da polícia e o dever da justiça".Entretanto, acredito que se o tal "bandidinho" fosse um rapaz da "alta sociedade", essa cena não ocorreria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, na falta da policia, eles apelaram para o único jeito de se sentirem seguros, espancaram o rapaz, assim achando que serio o correto a fazer, porem não era, realmente se fosse um integrante da alta sociedade, essa cena não ocorreria porque acredito eu que os ricos e poderosos não apelam para um crime tão baixo que é roubar senhoras e mulheres.
      Samara Dorighetto 3° Info

      Excluir
  28. Esse não foi o primeiro e nem será o ultimo caso de racismo no nosso país! Como é triste perceber que isso ainda existe... Mas triste ainda é essa injusta divisão de classe aonde o rico fica mais rico e o pobre fica mais pobre, nesse mundo em qual o "Deus Capital" é adorado! Bandido bom é bandido morto mas essa frase só é para o pobre e o negro! E sobre a questão do menino amarrado nu é mais triste ainda vê as pessoas voltando a antiga lei do "olho por olho, dente por dente" achando que essa matança se chama justiça. Mas a sociedade se esquece de que se voltarmos ao tempo do 'olho por olho, dente por dente' todos nós ficaríamos sem olho e sem dente! "As vezes eu fico pensando o que será da gente nas mãos desses homens que nem parecem gente, preferem apostar nas guerras parece doença, ta sobrando ódio falta consciência!" Violência gera violência! #paz chega de maldade!
    Kátia Úrsula Davel Camporez 3m02

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim eu concordo plenamente com seu comentário. o rico fica cada vez mais rico e pobre mais pobre. E foi sim um legitimo caso de racismo e preconceito.Mas essa violência não vai mudar nada, somente irar piorar. com certeza ta sobrando ódio e faltando consciência. precisamos de paz para viver em um mundo melhor.
      Monique Aparecida Machado Stofeles 3ºm02

      Excluir
    2. Concordo com seu ponto de vista Kátia Úrsula, "violencia gera mais violencia" se tudo fosse resolvido com brigas e agressões, não seriamos seres humanos, seriamos selvagens, se houvesse maiores investimentos em educação e segurança o Brasil não seria tão caótico como está atualmente.
      Lui Fonseca 3° Info

      Excluir
  29. na minha opinião este tipo de crime não se resolve com violência, todos tem direito a uma segunda chance para reconstruir sua vida.
    violência não leva ninguém a nada, só os pobres ficam presos, e os ricos pagam fiança.
    E se viesse a pena de morte ao Brasil só os pobres e negros seriam mortos.
    Chega de violência
    Elidiane Oliveira.3° M02

    ResponderExcluir
  30. Esse é um dos principais problemas do Brasil, a violência e a discriminação racial.Em nosso país a vários bandidos que não são devidamente punidos por serem “filhinho de papai” ou por ser de menor, mas há ainda casos de criminosos que nem se quer chegam a ser “pegos” ,por não ter policiais competentes . Porém isso não é motivo para que pessoas façam justiça com as próprias mãos,no caso do jovem agredido ,as pessoas que fizeram o mesmo,infelizmente não abriram os olhos e viram que agredindo estariam sendo criminosos tanto quanto o jovem.E apoio sim as pessoas que lutam para que as foças competentes façam justiça,e não fazermos justiça de maneira totalmente errada.
    JULIANA DE MELO PASSARELA
    3°M02

    ResponderExcluir
  31. Nome: Stelorhayne turna: 3 M2
    Que Vergonha! Não importa o que ele fez... ninguém merece ser tratado como um animal! .... pode ter certeza que esses tais justiceiros não são tão melhores do que ele! ...
    Se esse tipo de conduta é aceitável para alguns então pergunto:

    Quem decide quem pode ser amarrado a um poste e espancado????? Pode ser eu???? Ou somente as pessoas que postarem comentários terríveis podem decidir???? As pessoas que postam comentários idiotas podem ser amarradas e espancadas???? E as pessoas fúteis e bobas???? E as burras e ignorantes ??? .....

    .... se é pra brincar de bater e apanhar então podem ter certeza que eu e várias outras pessoas vamos querer ficar do melhor lado dessa brincadeira........ Gostei da idéia !!!

    ResponderExcluir
  32. Acredito que o ocorrido com o jovem, não surpreende a muitos, pois já se tornou comum na nossa sociedade ações como a dos "Justiceiros". Isso ocorre simplesmente por falta de medidas apropriadas, que deveriam ser aplicadas por nossas autoridades, para que acontecimentos como esse não se concretizasse.
    Tenho as minhas duvidas, que esse garoto seria tratado do mesmo jeito, se ele fosse rico ou mesmo branco. É uma realidade de nosso convívio social os negros serem excluídos e discriminados.
    Só que o mais importante a ser destacado, é que nenhum ser humano tem o direito de fazer justiça com as próprias mãos. Dentro da nossa sociedade todos tem o direito de ser julgado, não cabe ao meio social dizer o que deve ou não fazer. Não desmereço atitude dos “Justiceiros”, pois se as autoridades não fazem sua parte, alguém sempre irá acabar fazendo o trabalho. Mas infelizmente cabe a policia ou até mesmo outros órgãos destinados a essas situações, tomar uma atitude referente ao jovem e seus atos.
    Portanto, por mais que seja por motivos extremos nenhum cidadão tem o direito de fazer o que bem quiser com o outro, devemos sim reivindicar melhorias, para maior segurança e melhor convívio. Mas se queremos mudanças na nossa sociedade, devemos começar por nos mesmos, e após, passar a nossa ética e aprendizagem para frente.
    Elielton Pagio Desteffani 3°M02

    ResponderExcluir
  33. Valéria Aparecida Raimundo 3º Logística

    Diante dos fatos, percebo que há uma discriminação racial, porem os dois casos são bastantes diferentes, o fato dela se referir ao menino preso com agressividade na voz só transmite a revolta de vários incluindo os "justiceiros", porem direitos são iguais independente de situação financeira ou cor da pele, violência gera violência e não é batendo nele que vai resolver o caso, pra isso existe justiça apesar de que no país em que vivemos a justiça esta deixando a desejar muitas das vezes... Se compararmos a um rico bem sucedido na sociedade ele estaria impune. Acho errado o que eles fizeram com o rapaz de prende-lo nu, mais nesses casos gera muita revolta e quando a justiça não da jeito a sociedade reage com suas próprias mãos.

    ResponderExcluir
  34. Lui Fonseca Do Nascimento 3° Info
    O crime no Brasil realmente tem crescido muito, com isso a incerteza de que estamos seguros fazem com que cometemos erros, mas para salvar a própria pele vale tudo. Violência gera mais violência, ou seja, não adianta tentar bater nesses bandidos, porque eles não mudariam a sua visão de "como conseguir dinheiro facil". Se houvesse mais policiais fazendo rondas diariamente com certeza a taxa de crime diminuiria bastante em relação á atual. Eu acho que a punição para todos os crimes deveriam ser piores, e se estender ao jovem infrator, por que os eles são presos e logo saem, voltando a praticar o mesmo crime ou até pior.
    - Sobre os justiceiros, eu achei certa parte do que eles fizeram certo, que era imobilizar o sujeito, porem não acho certo o bandido ser agredido e exposto ao ridículo como aconteceu. O certo seria se os justiceiros apenas segurassem o bandido até a policia chegar para prende-lo.

    ResponderExcluir
  35. Samara Dorighetto Côgo 3° Info
    Onde esta a policia nesses momentos em que sua presença é necessária?
    Se houvessem mais policiais presentes nas ruas de nossas cidades, não haveriam tantos bandidos, e se houvessem mais oportunidades de estudo e trabalho para nosso povo, com certeza a criminalidade seria minima. Mas acontece o inverso,
    Fazer justiça pelas proprias mãos não é o certo, mas quando estamos em perigo, qualquer alternativa para se livrar do bandido é valida, do jeito que ta o Brasil atualmente, não duvido que teremos que andar armados para nossa própria segurança. Eu discordo com os justiceiros nesse ponto em que eles agredirão e prenderão o meliante. O certo seria contatar a policia e aguardar os policiais prenderem o bandido.

    ResponderExcluir